quinta-feira, janeiro 31, 2008





Só a música define o indefinido, sem ele deixar de ser indefinido; e a matemática calcula o que permanece incalculável; e a poesia canta o silêncio, que se conserva silencioso.
Teixeira de Pascoaes - Aforismos

5 comentários:

Carminda Pinho disse...

E, Teixeira de Pascoaes tinha toda a razão.
Belas fotografias, a pesca dizem, é óptima para relaxar e, o mar...o mar...

Beijos

Anónimo disse...

Hoje, somos em simbiose!!!!
BISOUS.
Cristina

Té la mà Maria - Reus disse...

que pequeños somos los seres humanos delante de la naturaleza y el mal que llegamos a hacer a la naturaleza

saludos, buenas fotos

Meg disse...

Perante um mar como este das imagens, fica-se sem palavras.
Sou uma adoradora do mar, e é nele que enterro algumas angústias. Ele tem essa magia.

Um abraço

Bipede Implume disse...

Querida Carminda
O mar tem esse efeito apaziguador.
Quanto ao pescar é toda uma arte.
O meu pai era um fanático da pesca.
Beijinhos.

Cristina ma chérie
É verdade, desta vez parecia combinado.
Ambas adoramos o mar...é fácil acertarmos.
Gros bisous.

té la mà maria -reus
Quando tirei estas fotografias também me impressionou a solidão do homem e a sua fragilidade perante esse colosso, o mar.
Saludos e grande abraço.

Querida Meg
Partilho da mesma adoração pelo mar. Preciso mesmo de estar perto, de ouvi-lo, de sentir aquele cheiro. Faz-me falta.
Que bom estares de volta.
Grande abraço.