sexta-feira, julho 09, 2010

 

Joaninha voa ,voa
Que o teu pai está em Lisboa
Com um rabinho de sardinha
Para comer, que mais não tinha.

Joaninha voa, voa
Que o teu pai está em Lisboa
Com um caldinho de galinha
Para dar à Joaninha.

Em criança aprendemos muitas destas lengalengas. A minha mãe  usava-as quando eu não queria comer a sopa. É por isso que sei algumas.

Mas a da Joaninha que ela dizia, era esta;

Joaninha voa, voa
Que o teu pai foi a Lisboa
Com um saco de farinha
Para dar à Joaninha.

.

4 comentários:

Cristina disse...

Bom fim de semana com muito sol!!
Grande abraço.

Vieira Calado disse...

Neste dia de grande calor...

venho desejar-lhe

uma sombra fresca!

Beijoca

Ana Tapadas disse...

Querida Isabel:
Com calor sufocante e trabalho em excesso (Graças a Deus!), não tem sido fácil vir aos blogues amigos.
E agora que cheguei encontro um cheirinho da infância: tão bom! Ah quem me dera! Também eu conheço essa e outra, mas não pela sopa...no meu caso a carne, talvez.
E que tentação ali em baixo! ummm!
Beijinho

alfacinha disse...

As mães têm de ser inventivas e felizmente dispõem de um baú cheio de meios. Cumprimentos de Antuérpias