quinta-feira, junho 04, 2009


Abutilon megapotamicum - Lanterninha japonesa

Platycodon grandiflorus - Flor balão ou sino chinês


Abutilon striatum - Sininho

Rosa



Não acabarão nunca as minhas flores, não acabarão os
meus cantos
Eu, cantor, levanto-os,
e eles espalham-se,
são flores que murcham e amarelecem
e são levadas para longe, para a dourada mansão das plumas.



América - Aztecas

Versão: Herberto Helder
in Rosa do Mundo

Posted by Picasa

8 comentários:

Cristina disse...

Bom fim de semana, amigos e bom vote!!!!
Grande abraço.

Carminda Pinho disse...

As tuas flores são tão lindas, Isabel.
Aqui vou conhecendo flores que nem sabia que existiam.
Obrigada.:)

Bom fim de semana.
Beijo

Janaina Amado disse...

Lindíssimas flores!
Gostei do seu post anterior, o que me lembra que ainda não respondi ao desafio da Ana!

Ana Tapadas disse...

Que lindas as flores!
Ai, quem me dera uma «mansão de plumas»! Dias difíceis em fim de ano...
Beijinho e bom sábado.

Flor ♥ disse...

Querida, hoje mais do que nunca encontra-se calma e alma neste jardim de flores tão belas... ah... não resisti, e estou levando as imagens dessas flores prá mim, viu?!?!

Beijos, querida, e um final de semana florido prá ti e os teus!

comboio turbulento disse...

ainda há quem faça florescer o nosso olhar

Meg disse...

Isabel,

E repito o que a Carminda diz sobre as tuas flores... também não conheço alguma.
E antes que murchem e amareleçam, vou levá-las comigo mesmo sem autorização...

Um beijo

Bipede Implume disse...

Olá meus queridos amigos

Cristina
Carminda
Janaína
Ana
Flor
Combóio turbulento
Meg

Fico muito feliz por gostarem das minhas flores. Elas existem mesmo no meu jardim. Quanto ao nome delas, é fácil. Nos viveiros onde as compramos têm o nome nos vasos.
Mas também me socorro dos meus livros de jardinagem.
Beijinhos e muito obrigada.