sexta-feira, junho 26, 2009





Fuchsia - Brincos de Princesa



Afirmam que a vida é breve,
Engano - a vida é comprida:
Cabe nela amor eterno
E ainda sobeja vida.


António Botto - Pequenas Esculturas (19)

Posted by Picasa

6 comentários:

Flor ♥ disse...

Querida Isabel,

hpje teu post me inspira nostalgia... em casa de minha avó havia brincos de princesa assim, vermelhinhos... que saudades (das flores, da casa, da avó...) E um brinde com o Antonio Botto.

Beijinhos!

Ana Tapadas disse...

Amiga:
Que tenhas um excelente sábado!
Aqui...trabalho não falta (que bom), mas receber dois envelopes de exames para corrigir sábado e domingo...já foi um pouco de mais!
Isabel, António Boto aqui de Abrantes e tão discriminado por causa das suas opções sexuais é, de facto, um poeta excelente!
Os teus brincos são de fazer inveja!
beijinho

Lídia Craveiro disse...

Há muito que não deixava por aqui um testemunho da minha presença como leitora do teu blog. Vou sempre lendo as nividades por alto, mas falta-me tempo para cumprimentar os amigos da blogosfera. Estas maravilhas de flores que nos destes lembram-me a minha infância no que ela teve de melhor. Obrigado e um beijo para ti Isabel.

Lidia

Maria Faia disse...

Querida Amiga,

A sabedoria de António Botto associada à beleza e harmonia das belas flores que nos ofereces transporta-nos para um mundo de paraíso sempre desejado.
Vim desejar-te uma semana muito feliz,

Beijos,
Maria Faia

Carminda Pinho disse...

Que lindos brincos que a princesa tem.:))
Beijos, Isabel.

Bipede Implume disse...

Olá minhas queridas amigas

Flor
Ana
Lídia
Maria Faia
Carminda

Os brincos de princesa também me levam até à minha infância. E, em fores, tento trazer de volta esse tempo.
Muito obrigada e beijinhos para todas.