terça-feira, maio 24, 2011





Jacarandás

Durante este mês  e, até  meados do próximo , Lisboa estará enfeitada com  lindas flores de jacarandá.
Não é só o colorido mas também o seu perfume.

Mas, não há bela sem senão, as flores soltam uma espécie de líquido, muito doce, que ao cair nos carros deixam a sua marca.

À parte este contratempo é um espectáculo digno de ser apreciado.

.

5 comentários:

Ana Tapadas disse...

Querida Isabel,
São lindos os jacarandás, velhos vultos do Império. São quase uma ironia de beleza rara a fazer-nos pensar nos que vivemos...


(Anda naquela fase...final de ano, este com grande desnorte interno...)


Beijinho

alfacinha disse...

Tenho uma espécie desta árvore na estufa, não maior que uma mão. No entanto, será um desejo irreal ter jamais uma Jacarandá em flor. Cumprimentos de Antuérpia

epee disse...

Faz parte do pacote. Nem tudo é perfeito, mas antes facilmente contornável que... que!

¬
Belas imagens, Isabel.

Valdicéia Mendonça disse...

lindas fotografias e blog também, parabéns!!!
Beijokas!!!
Estou te seguindo, me segue também.

lin disse...

I get much in your theme really gowns with sleeves thank your very much i will come every day