sábado, maio 07, 2011



São velhas as estrelas, e elas são
Grandes. Velho e pequeno é o coração,
E contém mais do que as estrelas todas,
Sendo, sem espaço, mais que a imensidão.

Fernando Pessoa (Poesia 1931-1935 e Não Datada, 2005)

in  Poemas Portugueses Antologia da Poesia Portuguesa do Séc. XIII ao Séc.XXI


.

6 comentários:

Ana Tapadas disse...

querida Isabel,
poema tão belo de Pessoa. A foto é de um refinado bom gosto. Uma postagem encantadora para terminar um dia (que não foi nada fácil).
Beijinho e bom Domingo.

alfacinha disse...

No domingo ,um dia feliz para todos as mães .
cumprimentos de Antuérpia

Cristina disse...

Hoje è a dia para todos maês.
muito calor em Belgica!
Beijinhos.

epee disse...

Violetas... e a poesia de Pessoa. E de repente somos tão 'pessoas' quanto... 'Violeta's!

¬
Boa semana, Isabel.

Vieira Calado disse...

Pessoa... é pessoa única!

Bjjsss

Je Vois la Vie en Vert disse...

Estas flores azuis frente ao branco pura duma renda é sublime !
Beijinhos
Verdinha