segunda-feira, julho 06, 2009




O misterioso desaparecimento das abelhas



Segundo algumas notícias notou-se um misterioso desaparecimento de abelhas, tanto nos Estados Unidos como na Europa.
Se a abelha desaparecer da superfície do planeta, então, ao homem, restarão apenas quatro anos de vida.

Com o fim das abelhas, acaba a polinização, acabam as plantas, acabam os animais, acaba o homem.

Mas, onde tirei estas fotografias, na zona Oeste, elas continuam bem presentes e activas.

A polinização teve resultados surpreendentes. Uma produção de maracujás maior do que o ano anterior.

As flores do maracujá são grandes, por isso requerem abelhas maiores para que o pólen contido nas suas anteras passe ao dorso da abelha e daí até ao estigma da outra flor.

É um verdadeiro espectáculo de som e cor. Porque os bzzz delas são bem sonoros.

Portanto, proteja as abelhas.

Posted by Picasa

8 comentários:

Cristina disse...

somptuoso fotografias, amiga!
Grande abraço.

entrefotos disse...

Já agora... emprestas-me essas cores ... por um pedacinho?

Prometo devolver.

:)

Ana Tapadas disse...

Fotos extraordinárias!
O texto é magnífico.
Que Deus proteja as abelhas!
Amiga um beijinho para ti!

Je Vois la Vie en Vert disse...

Certamente ! Não podemos deixar que esta obreiras que fazem o seu trabalho correctamente sejam despedidas do seu ofício !

Beijinhos da

Verdinha

Carminda Pinho disse...

Desde que elas, (as abelhas) não se cheguem a mim, tá tudo bem. Eheheh...
Maravilhosas as tuas fotos

Bjs

alfacinha disse...

Chama se abelhão,
Uma curiosidade a saber, é uma firma flamenga que produza estas colónias de abelhões em massa para exportar no inteiro mundo. As caixinhas estão colocadas nas estufas onde estas pequenas colónias de abelhões seguram a fecundação das plantas.
Cumprimentos de Antuérpia

Janaina Amado disse...

Viva as abelhas! E estas lindas fotos!

Bipede Implume disse...

Meus queridos amigos

Cristina
Entrefotos
Ana
Verdinha
Carminda
Alfacinha
Janaína

Já fui picada por uma abelha, mas continuo a não ter medo delas.
Já as vespas ...metem-me algum respeito.
Convivo perfeitamente com estas abelhas, "abelhões" como lhes chama o amigo Alfacinha.
Para todos um grande beijinho.