quinta-feira, setembro 01, 2011




Ericeira - Praia dos Pescadores




Dão-se alvíssaras a quem encontrar o mês de Agosto.
Não dei por ele na Ericeira. Muitos dias cinzentos,frio, vento.
Onde, alguma vez, em pleno Agosto, se podia  entrar no Café Central, ver a esplanada compostinha e lá  dentro completamente vazio. Estranho, entrar sem encontrar  qualquer obstáculo. Poder escolher a janela preferida. Sentir a falta de famílias inteiras à volta das mesas com os filhos,  os carrinhos e os sacos e os jornais. Um silêncio total.
Haver lugar para estacionar o carro.
Escolher "aquele" restaurante e não haver filas de espera.
Apreciamos isto no Inverno, mas nunca em pleno mês de Agosto.
Terão ido para o Algarve? Mesmo o Sol?

.

4 comentários:

Ana Tapadas disse...

Querida Isabel,
que sejas bem regressada!
Agosto pode ter andado ausente, mas as fotos são lindas!
Beijinho



(Acreditas que hoje caiu uma bátega de água aqui!)

Sofia disse...

Olá Isabel! obrigada por passares pelo Pourquoi Pas?
eu também tenho o hábito de ir para a Ericeira passar uns dias porque a minha irma vive aí! mas este verao, falhei porque trabalhei durante todo o mês de agosto!
bom regresso ao trabalho
Sofia

alfacinha disse...

Olá Isabel
Foi bom ter notícias suas novamente.
Apesar o tempo instável, prefiro um mês em Ericeira, é mil vezes melhor que um mês encharcado na costa belga.
Tudo de bom.

Vieira Calado disse...

Não, também não veio para o Algarve!

Em Portugal, este ano, não houve Agosto.

Com muito meu desgosto...

~~~Saudações poéticas!