quarta-feira, abril 23, 2008















Fotografias de Alfredo Cunha

in
O dia 25 de Abril de 1974 76 Fotografias e um Retrato


25 de Abril

Esta é a madrugada que eu esperava
O dia inicial inteiro e limpo
Onde emergimos da noite e do silêncio
E livres habitamos a substância do tempo

Sophia de Mello Breyner Andresen

Meus amigos celebrem o 25 de Abril da melhor maneira possível.
Voltarei para a semana.
E... sejam muito felizes.

10 comentários:

Lídia disse...

Olá. Obrigado por te lembrares de algo tão importante. Um marco na nossa história que está a um passo de ser apagado. Quem não conheceu a realidade anterior, poderá pensar que foi algo sem importância. Para mim que na altura tinha 11 anos foi um abrir de horizontes... não posso nem pensar que isso se pode perder. A liberdade de todos nós. Bem Hajas e uma boa semana para ti. Lidia.

Bipede Implume disse...

Olá Lídia
Na altura, eu estava em Moçambique e só na madrugada do dia 26 soube do acontecimento.
Foi um momento único que não esquecerei. Lágrimas de alegria nos nossos olhos, emoção tão forte.
Foi um dos dias mais felizes da minha vida.
Esta Liberdade nunca a vamos perder, podes ter a certeza.
Abraço e bom 25 de Abril.

Carminda Pinho disse...

Pois é amiga Isabel, temos muita coisa em comum.:)
O mural de Grândola, foi pesquisado no google, gostei e postei ahah!
esqueci-me foi de colocar o link da imagem, ops!
Bom fim de semana, amiga.
Vamos celebrar Abril estejamos nós onde estivermos.:)

Beijos

Cristina disse...

Viva Portugal!!!
Boa festa do 25 april.
Abraço e até brève!!

Té la mà Maria - Reus disse...

vuestra libertades fueron nuestras libertades, gracias por ser los primeros, un profundo reconocimiento para vosotros

molto obrigados

Maria Faia disse...

Querida Amiga,

Venho trazer-te um beijo de LIBERDADE, com sabor a cravo vermelho.

Feliz 25 de Abril, amanhã e SEMPRE!

Maria Faia

meg disse...

Isabel, eu também´em Moçambique
Mas hoje não venho falar disso. Ao fim destes dias consegui roubar tempo ao tempo que me falta para vir ter com cada um dos amigos que me acompanharam nestes últimos "incidentes".
Sem as vossas palavras e a vossa presença não teria ultrapassado tudo isto.
A minha gratidão, uma casa com as portas abertas para os amigos e um grande abraço.
E uma boa folfa

Nenos disse...

See Please Here

alfacinha disse...

Vi pela primeira vez o filme Capitães de Abril e confesso as vezes não podia evitar as lágrimas nos meus olhos .Deve ser por muitos portugueses o 25 Abril ,o momento mais feliz na sua vida .
cumprimentos

Bipede Implume disse...

Querida Carminda
O importante é lembrar sempre o 25 de Abril.
Sem ele não estaríamos aqui a comunicar em liberdade.
Boa semana amiga.

Querida Cristina
É com dizes: Viva o 25 de Abril.Sempre.
Até breve. Saudades.

Té la mà maria-reus
Ainda antes do 25 de Abril, muitos cantores, tais como : Patxi Andion, Paco Ibañez, Pi de la Serra e outros igualmente importantes, se juntaram aos nossos e fizeram ouvir suas vozes de liberdade.
Por isso, amigos, estávamos juntos nesta caminhada.
Saludos de grande amizade.

Querida Maria Faia
Obrigada pelo beijo com sabor a cravo vermelho. Com sabor a Liberdade.
É tão bom ter notícias tuas.
25 de Abril para Sempre!
Beijos de muita amizade.

Querida Meg
Tens a minha amizade sempre solidária. Se esta amizade ajudou a criar a tua nova casa, fico muito feliz.
Grande abraço de amizade.

Alfacinha
Também eu, ainda hoje, quando vejo imagens do que se passou no 25 de Abril, me comovo. Ninguém resiste à manifestação daquele povo, tão espontânea, saída directamente da alma, tão pacífica. Era a revolução dos cravos, um nome cheio de poesia.
Grande abraço, amigo.