sábado, novembro 01, 2008



...
Ao subir a pequena escada da minha casa paro a pensar se será mesmo real,
A madressilva da janela convence-me mais do que toda a metafísica dos
livros.

Contemplar o amanhecer!
A luz débil desvanece as sombras imensas e diáfanas,
o ar agrada ao meu paladar.
...

Walt Whitman -Canto de Mim Mesmo - XXIV (Excertos)

Posted by Picasa

8 comentários:

Carminda Pinho disse...

"Comtemplar o amanhecer"...tantas vezes me acontece, Isabel.:)

Beijos

Cristina disse...

Un peu de soleil dans notre ciel plein de pluie!Bom fim de semana, grande abraço,meus amigos!

Meg disse...

Como não concordar com Walt Whitman? Linda a flor!
Um óptimo fim de semana.
Um abraço

Ana Tapadas disse...

O amanhecer...para mim significa muito trabalho pela frente. Prosaico demais...Tenho saudades de outros tempos, quando a lentidão me permitia ler poemas no arrebol matinal!
Assim mesmo, hoje levantei-me e cuidei do meu pequeno jardim. Que bom! As glícinias já vão perdendo as folhas e a vinha virgem está ao rubro...
Bom Domingo e um beijinho.

muse disse...

Et elle sent bon, cette jolie fleur?

koborron disse...

Un poco deprimido por que se acaba el fin de semana entro en tu oasis. Impresionante Cabo Carvoeiro, las flores, Walt Witman...
...ya estoy un poco mejor.
Un beso

koborron disse...

Os míscaros do Minho...
¡que buenos!

Bipede Implume disse...

Meus amigos

Carminda
Cristina
Meg
Ana
Muse
Koborron

Grata pela vossa visita.
Beijinhos para todos vós com muito carinho.